Ideias de Aquário low-tech (baixa manutenção)

Um aquário low-tech não possuiu injecção de CO2, e não necessita de todo o equipamento avançado que um aquário high-tech tem ao seu dispor.

As vezes devido ao tempo corrido e grana deixamos de ter um belo aquário, para isso há uma solução.

Essa solução seria o aquário com plantas pouco exigentes, que precisam de baixa manutenção.

Então no final do post trazemos uma lista das plantas para esse tipo de aquário e também o link das fontes pesquisada para esse post.

Nelas você vai encontrar mais detalhes técnicos sobre a montagem de aquários plantados

Aquário low-tech


Crie hardscape impactante

Escolha plantas de aquário fáceis de plantar, mas implemente a complexidade através do trabalho de hardscape.

Isso proporciona resultados muito melhores do que ser excessivamente ambicioso com plantas exigentes.

Entende-se por “hardscape” aquilo que no aquário tem valor decorativo, mas não é nem animal nem vegetal.

Basicamente falamos aqui de rochas, troncos, substrato, peças de plastico e barro ou qualquer outro material.

Veja abaixo alguns exemplos de hardscape

 

Micro Aquatic Shop







 




Como montar um aquário plantado low-tech




Substrato

É recomendável começar com  a utilização de uma camada leve de turfa no fundo do aquário.

Algumas pessoas podem querer usar terra , todavia é preciso ter cuidado com alguns dos riscos envolvidos na utilização de substratos à base de terra.

O principal problema é não sabermos o que está presente no substrato. Podendo correr o risco de introduzir toxinas ou parasitas, caso o solo esteja contaminado pelos mesmos.




Iluminação

As lâmpadas desempenham um papel extremamente importante em qualquer aquário plantado.  São a força motriz da fotossíntese nas plantas.

No caso dos aquários low-tech, sem injecção de CO2 é crucial não exagerar na iluminação.

Não cometa o erro de supor que mais iluminação, fará com que as plantas cresçam melhor ou mais rapidamente.

Antes pelo contrário, esta situação apenas será benéfica para o surgimento de algas.




Plantar

É necessário plantar densamente o aquário, apenas seja possível ver 10-15% do substrato. Devemos ter pelo menos 50% de plantas de crescimento rápido.

Estas irão ajudar a absorver os nutrientes na coluna de água e ajudar no seu ciclo.

À medida que as plantas de crescimento rápido crescem e se estabelecem, podemos ir alterando-as por outras espécies que desejemos manter.

Deve-se sempre manter uma grande quantidade de massa vegetal.

Aquário low-tech


Filtro

Certifique-se que tem um bom filtro. Isto ajuda a dispersar os nutrientes uniformemente entre as plantas e evita áreas estagnadas, onde as plantas não recebem nutrientes.

Utilize um filtro sem carvão ativado, uma vez que este neutraliza os nutrientes presentes na coluna de água do aquário.




Peixes

Depois de montar o aquário, aguarde entre uma ou duas semanas para ver como este se comporta e para ver como as plantas reagem.

Verifique também se os parâmetros da água estão corretos.

Então pode ir em frente e adicionar um par de comedores de algas por exemplo.

Passadas 2-3 semanas, se tudo seguir bem, pode adicionar os restantes peixes.

É bom ir adicionando peixes em pequenas quantidades ao longo das próximas semanas.

Aquário low-tech


Fertilização

De acordo com as recomendações a fertilização deve ser feita uma vez por semana ou uma vez a cada duas semanas.

Caso note que as plantas apresentam carências, pode sempre aumentar um pouco a dose.

Devemos suspender fertilizações uma vez por mês, ou então a cada dois meses. Isto permitirá que as plantas se alimentem de qualquer excesso de nutrientes presente no aquário.

Para saber as dosagem vá aqui




Manutenção

  • Fertilização reduzida uma vez por semana ou a cada duas semanas;
  • Suspender a fertilização ocasionalmente, com o objectivo de eliminar possíveis excessos de nutrientes;
  • Podar as plantas esporadicamente para assegurar uma boa circulação de água no aquário;
  • Aspirar cuidadosamente o areão a fim de eliminar excessos de detritos;
  • Alimentar os peixes todos os dias;




Vantagens:

  • Não são necessários testes ou TPAs (Nota: Esta regra apenas se aplica em aquários densamente plantados);
  • Reduzido número de podas devido ao crescimento mais lento das plantas;
  • Pequena dosagem de fertilizantes, e muito esporadicamente;
  • Não existe o risco de existir na coluna de água CO2 em excesso, que posteriormente pode causar asfixia à fauna presente no aquário;
  • Em caso de mudança repentina dos parâmetros da água (nutrientes, picos de amônia, plantas ou peixes em decomposição), o crescimento das algas revela-se mais lento que num aquário high-tech, permitindo assim que o aquariofilista tenha mais tempo para intervir.




Desvantagens:

  • As plantas crescerem mais lentamente e a ausência de resultados a curto prazo, pode desanimar o aquariofilista;
  • Pode ser complicado manter algumas espécies de plantas que são dependentes de grandes níveis de CO2.





Deseja saber mais detalhes sobre como montar seu aquário de baixa manutenção acesse as fontes consultadas por nós para criar esse post links no final do post

Aquário low-tech



Foi provado que manter peixes melhora a saúde mental e também ajuda a reduzir a ansiedade.

Pesquisas realizadas pela Universidade de Plymouth descobriram que o simples fato de olhar para peixes num aquário “levaram a reduções notáveis na pressão arterial e freqüência cardíaca do participante”.

Aquário low-tech



Além de ajudar na saúde um aquário traz para dentro de casa um pouco da natureza, podendo ser uma belíssima peça na decoração de sua casa ou empresa.

Aquário low-tech



Assim eles ficam bem em salas de espera, quartos e áreas onde as pessoas busquem o relaxamento

Aquário low-tech


Aquário low-tech











Aquário low-tech







Imagens garimpadas no Pinterest

A escolha das plantas corretas é fundamental para o sucesso neste tipo de aquário.

Ou seja, plantas que não exijam CO2, iluminação intensa e fertilização em demasia.

Mas que ainda assim deixe o aquário com uma beleza natural representado por uma flora aquática de qualidade e bem dimensionada

Plantas para aquário low-tech

Aquário low-tech


Fontes consultadas sobre aquários low-tech:

Gostou? Vejas mais ideias de Diy aqui

Curta nosso Fanpage faça parte de nossos grupos e não perca nossas novidades, tutoriais e ideias todos os dias.

Fanpage: https://www.facebook.com/comofazerfacil/

Grupos:

Principal: https://www.facebook.com/groups/comofazerfacil/

Vendas: https://www.facebook.com/groups/comofazerfacil1001ideias.vendas/

Lives e vídeos: https://www.facebook.com/groups/comofazerfacilLivesvideos/

Secundário: https://www.facebook.com/groups/521465804671365/

Painel do pinterest: https://br.pinterest.com/como-fazer-facil

Twitter: https://twitter.com/ComoFazerFacil_

Instagram: https://www.instagram.com/comofazerfacil/

Veja também esse post em nossa Fanpage:

Como Fazer Fácil 1001 Ideias Aquários low-tech (baixa manutenção) #comofazerfacil #artesanato #DIY #decoração #aquarios #low-tech #aquarioplantadohttps://www.facebook.com/comofazerfacil/posts/1150896731646407

Posted by Como Fazer Fácil 1001 Ideias on Monday, January 23, 2017



Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.